Como RHs e Operadoredoras podem economizar com App de Saúde

Qualquer gestor na área de saúde, seja no segmento que for, já entendeu que implementar soluções de tecnologia, mais do que uma necessidade é uma questão de sobrevivência.

Temos visto uma explosão de startups de saúde criando soluções que entregam resultados absolutamente surpreendentes do ponto de vista de redução de custos, gerenciamento de processos, diminuição de sinistros, entre tantas outras soluções.

As novas gerações já se viram inseridas em um mundo onde a tecnologia não é um luxo e sim uma alavanca de inclusão no universo digital, o que explica a aderência aos aplicativos de forma absolutamente rápida e natural.

Claro que as gerações mais maduras, por assim dizer, ainda sofrem com a rápida transformação que o mundo vem sofrendo, mas isso não significa que não sejam aderentes aos App´s, muito pelo contrário, o Brasil é o primeiro país em aderência e uso de aplicativos no mundo, somos uma população absolutamente ávida por novidades, mais um de nossos paradoxos.

Empresas e operadoras de saúde que implementaram soluções relevantes de tecnologia, tem experimentado ganhos de produtividade, e reduções drásticas de custos, através da visibilidade detalhada a respeito do comportamento de seus times, colaboradores ou beneficiários, dentro de uma visão just in time. Esta visão comportamental que os apps tem a capacidade de gerar, faz com que os gestores tenham subsídios para tomar decisões mais rápidas e assertivas, corrigindo rotas e criando procedimentos, que no fim do dia resultam em ganhos expressivos de produtividade e economia dentro da cadeia de saúde.

Outro ganho percebido, mais um pouco mais difícil de mensurar, é a percepção por parte de colaboradores ou beneficiários, de que a empresa que fornece o App, é uma empresa que olha para o futuro, é rápida na transformação, e entende ou quer entender cada vez mais o que seus colaboradores ou beneficiários precisam.

O gestor de RH de uma grande empresa líder de mercado no ramo de bebidas, me relatou que por causa de uma cultura de extrema competitividade propagada durante anos, as mulheres que lá trabalhavam, enfrentava um nível de stress absolutamente nocivo ao descobrirem que estavam grávidas, pois o ambiente e a cultura da empresa não era nada acolhedora para quem não estava em condições de competir naquele ambiente, e ao engravidar era assim que começavam a se enxergar. Muitas delas, segundo ele, não informavam a gravidez até o último momento possível e outras tantas muito talentosas, não voltavam da licença maternidade, por entender que aquele não era mais o seu lugar.

Obviamente que não se muda uma cultura do dia para noite, mais a melhora da percepção é fruto de uma construção diária de uma nova diretriz. Contratar um App de acolhimento de gestantes, entre outras ações, foi o início de uma virada que aumentou significativamente a retenção de talentos e a produtividade da empresa de uma forma geral, uma vez que as esposas dos colaboradores também eram acolhidas pelo programa.

Neste case específico, além de se implementar um programa totalmente voltado para o apoio e acolhimento as gestantes e puérperas através da nossa Plataforma Bellamaterna, algumas customizações de conteúdo foram implementadas, no sentido de não só dar o apoio, como também deixar claro através de conexão direta com o RH, todos os direitos e benefícios aos quais tinham naquele momento. Essa clareza de comunicação direta, criou um ambiente de confiança entre empresa e colaboradores, que é a premissa de um ciclo virtuoso de produtividade e retenção.

A velocidade de implementação de um app, e a rápida entrega que invariavelmente as soluções com base tecnológica disponibilizam, tem transformado a forma como empresas, operadoras de saúde, colaboradores e beneficiários se relacionam, e os resultados são surpreendentes.

Com tantas soluções no mercado, fica difícil acertar qual é a que melhor vai performar na sua organização, mas é certo que não ingressar de cabeça na tecnologia é a pior decisão a ser tomada.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *